CONCURSO CULTURAL DE PROJETOS DE DESIGN RESIDENCIAL E COMERCIAL NOVO NÚCLEO 8​ª EDIÇÃO - 2016


CONCURSO CULTURAL DE PROJETOS DE DESIGN RESIDENCIAL E COMERCIAL NOVO NÚCLEO
8ª EDIÇÃO - 2016


REGULAMENTO

O presente regulamento tem por finalidade estabelecer normas para realização do CONCURSO CULTURAL DE PROJETOS DE DESIGN RESIDENCIAL E COMERCIAL  NOVO NÚCLEO - 8ª EDIÇÃO - 2016, promovido pelo NOVO NÚCLEO de Profissionais e Designers, com finalidade estritamente cultural e que busca selecionar e premiar trabalhos na área de design de interior e exterior, desenvolvidos no Estado de Pernambuco.


1. OBJETIVOS

• Contribuir para o desenvolvimento do design no estado de Pernambuco;
• Valorizar a atividade do profissional de designer de interior e exterior, nos diferentes campos de atuação;
• Estimular o trabalho criativo dos estudantes da área de design na elaboração do Trabalho Final de Graduação;


2. CATEGORIAS

A. PROJETO DE EXTERIOR RESIDENCIAL

Poderão ser inscritos nesta categoria projetos com fins residenciais, uni ou plurifamiliares, cuja obra tenha sido finalizada a partir de julho de 2014 no Estado de Pernambuco, que envolvam a construção do imóvel ou sua reforma e, neste caso, que contemplem modificações na volumetria e em suas fachadas. Poderão também ser inscritos projetos fora do Estado de Pernambuco, cuja obra tenha sido finalizada a partir de julho de 2014, desde que seu autor seja pernambucano.

B. PROJETO DE EXTERIOR COMERCIAL

Poderão ser inscritos nesta categoria projetos com fins comerciais, de uso público ou privado, cuja obra tenha sido finalizada a partir de julho de 2014, no Estado de Pernambuco, que envolvam a construção do imóvel ou sua reforma e, neste caso, que contemplem modificações na volumetria e em suas fachadas. Poderão também ser inscritos projetos fora do Estado de Pernambuco, cuja obra tenha sido finalizada a partir de julho de 2014, desde que seu autor seja pernambucano.

C. PROJETO DE INTERIOR RESIDENCIAL

Poderão ser inscritos nesta categoria projetos de espaços internos com fins residenciais, cuja obra tenha sido finalizada a partir de julho de 2014, no Estado de Pernambuco, que envolvam “layout”, iluminação, forro, pisos e revestimentos, cortinas e persianas, móveis especificados e/ou projetados e pintura, e executados em uma área mínima de 15m² (quinze metros quadrados), correspondentes a um único ambiente ou à soma de vários. Poderão também ser inscritos projetos fora do Estado de Pernambuco, cuja obra tenha sido finalizada a partir de julho de 2014, desde que seu autor seja pernambucano.

D. PROJETO DE INTERIOR COMERCIAL

Poderão ser inscritos nesta categoria projetos de espaços internos com fins comerciais, cuja obra tenha sido finalizada a partir de julho de 2014, no Estado de Pernambuco, que envolvam “layout”, iluminação, forro, pisos e revestimentos, cortinas e persianas, móveis especificados e/ou projetados e pintura, e executados em uma área mínima de 15m² (quinze metros quadrados), correspondentes a um único ambiente ou à soma de vários. Poderão também ser inscritos projetos fora do Estado de Pernambuco, cuja obra tenha sido finalizada a partir de julho de 2014, desde que seu autor seja pernambucano.

E. PROJETO DE GRADUAÇÃO

Poderão ser inscritos nesta categoria projetos de Trabalho Final de Graduação, defendidos entre julho de 2014 e novembro de 2016, em qualquer Instituição de Ensino Superior do Estado de Pernambuco, quer sejam Universidades, Centros Universitários ou Faculdades, devidamente credenciadas junto ao MEC (Ministério da Educação e Cultura).


3. PARTICIPANTES

3.1. Poderão participar do presente concurso nas categorias A, B, C e D, qualquer profissional ou escritório (representado nominalmente por um único profissional), atuante no Estado de Pernambuco, graduado em arquitetura ou que desenvolva projetos na área de design de interior.

3.2. Poderão participar do presente concurso na categoria E, descrita no item 2 deste regulamento, estudantes ou profissionais oriundos de qualquer Instituição de Ensino Superior do Estado de Pernambuco (Universidades, Centros Universitários ou Faculdades).

3.3. Poderão ser inscritos por um mesmo profissional mais de um projeto, desde que em diferentes categorias. Caso o profissional possua cadastro em conjunto com outros profissionais no sistema do NOVO Núcleo, o escritório em questão poderá inscrever apenas 1 projeto por categoria.

3.4. Está vedada a participação de membros do corpo diretivo e funcionários do NOVO NÚCLEO de Profissionais e Designers.


4. INSCRIÇÕES

4.1. O período das inscrições decorrerá entre 1 de Agosto e 31 de Outubro de 2016.

4.2. As inscrições são gratuitas, para todas as categorias.

4.3. As inscrições deverão ser feitas através do preenchimento da ficha de inscrição, disponível no endereço www.novonucleo.com.br/concurso.

4.4. Os projetos inscritos deverão ser enviados, obedecendo-se as exigências técnicas para entrega contidas no item 5, para NOVO NÚCLEO de Profissionais e Designers, Av. Domingos Ferreira 1486, Sala 11, Boa Viagem, Recife, PE, CEP 51.111-020, acompanhados da ficha de inscrição impressa em papel A4, não timbrado, juntamente com duas publicações de literatura infantil (para serem doadas à Associação Hospitalhaços) até o dia 31 de Outubro de 2016.

4.5. As inscrições feitas no www.novonucleo.com.br/concurso, cujo projeto não seja entregue no endereço e nas condições descritas no item 4.4, até o dia 31 de Outubro de 2016, serão automaticamente canceladas.

4.6. Não serão aceitas inscrições efetuadas por e-mail, ou através de qualquer outro meio que não aquele citado no item 4.3.

4.7. Deverá ser preenchida uma ficha de inscrição para cada projeto, independente da sua categoria.

4.8. Serão automaticamente canceladas as inscrições cujo material técnico de projeto não atenda às exigências contidas no item 5.

4.9. Não poderão ser inscritos projetos participantes das edições anteriores deste mesmo concurso.

5. ENTREGA DO MATERIAL TÉCNICO DE PROJETO

5.1. Os projetos inscritos em todas as categorias deverão ser entregues em envelopes lacrados, no prazo e local estipulados nos itens 4.4, contendo as pranchas plotadas, as fotografias impressas, o CD ROM com arquivos em meio digital e a ficha de inscrição impressa, conforme especificações contidas nos itens 5.2 a 5.10.

5.2. Em todas as categorias deverão ser entregues plantas baixas da edificação, preferivelmente na escala 1:100 (categorias A e B) ou preferivelmente 1:50 (categorias C e D) plotadas em formato A2, com cotas gerais, sem qualquer carimbo ou identificação. Para a categoria E a escala poderá ser reduzida ou ampliada dependendo da necessidade do projeto inscrito.

5.3. Para as categorias C e D, as plantas baixas deverão estar ambientadas.

5.4. A quantidade de pranchas por projeto, que atenda ao disposto nos itens 5.2 e 5.3 é ilimitada, estando condicionada pelo número de pavimentos da edificação e das necessidades de projeto.

5.5. Para os projetos inscritos nas categorias A, B e E, deverão ser entregues cortes, fachadas e detalhes da edificação, limitados a duas pranchas e respeitando-se o disposto no item 5.2 no que diz respeito à escala e ao formato do papel, sem qualquer carimbo ou identificação, de forma a auxiliar na compreensão do mesmo.

5.6. Para os projetos inscritos nas categorias C e D, deverão ser entregues cortes e detalhes da edificação, limitados a duas pranchas e respeitando-se o disposto no item 5.2 no que diz respeito à escala e ao formato do papel, sem qualquer carimbo ou identificação, de forma a auxiliar na compreensão do mesmo.

5.7. Para os projetos inscritos nas categorias A, B, C e D, deverão ser entregues uma ou duas pranchas em padrão A2, sem qualquer carimbo ou identificação, contendo fotografias da obra concluída em qualquer formato. As fotos poderão ser impressas diretamente na prancha ou individualmente em papel fotográfico e posteriormente coladas à prancha.

5.8. Para os projetos inscritos na categoria E, deverá ser entregue, além dos materiais especificados e quantificados nos itens 5.2, 5.4, 5.5 e 5.6, o memorial de projeto, respeitando-se os mesmos prazos contidos nos itens 4.1 e 4.4.

5.9. Para os projetos inscritos em todas as categorias, deverá ser entregue um CD ROM contendo os arquivos de todos os materiais especificados nos itens 5.2 a 5.8, nos prazos e condições dispostos no item 4.4. Os arquivos dos desenhos plotados, deverão estar em formato dwg (AutoCAD 2006 ou superior) e os das fotografias em formato jpg, em alta resolução.

5.10. Os materiais descritos nos itens 5.2 a 5.9, não serão devolvidos aos autores dos projetos e passarão a ser propriedade da VISTA MARKETING LTDA, que poderá utilizá-los em campanhas de promoção e/ou divulgação, em meios eletrônico, impresso ou televisionado. 


6. COMISSÃO JULGADORA

6.1. Serão constituídas cinco Comissões Julgadoras, uma para cada categoria, com autonomia para julgar, classificar, desclassificar e proclamar os vencedores.

6.2. Cada uma das Comissões será integrada por profissionais do ramo de arquitetura e design, de renome estadual e nacional, indicados pelo NOVO NÚCLEO de Profissionais e Designers.

6.3. Poderão ser indicados para compor as Comissões Julgadoras: arquitetos pertencentes ao corpo docente dos Cursos de Arquitetura e de Design de Interiores das Instituições de Ensino Superior do Estado de Pernambuco ou de outras unidades da Federação; arquitetos membros de organizações representativas da classe profissional; arquitetos de órgãos públicos municipais, estaduais ou federais; arquitetos da nova geração cujo trabalho é reconhecido no mercado e arquitetos cujo reconhecimento já está consolidado no mercado.

6.4. Não poderão constituir as Comissões Julgadoras, integrantes do NOVO NÚCLEO de Profissionais e Designers e das lojas que o compõem.


7. JULGAMENTO

7.1. Os projetos serão julgados sem identificação do autor.

7.2. Cada projeto será identificado por um número, aplicado no material técnico de projeto entregue pelo profissional, conforme o itens 5, e que corresponde ao número da ficha de inscrição.

7.3. As Comissões Julgadoras, constituídas segundo o exposto no item 6, receberão um envelope lacrado, por projeto, contendo as pranchas, fotografias e CD ROM, numerados, conforme item 7.2.

7.4. As Comissões Julgadoras não terão, sob hipótese nenhuma, acesso à ficha de inscrição de que trata o item 4.3.

7.5. Serão automaticamente desclassificados, os projetos cujo material técnico entregue para julgamento não esteja em concordância com o disposto no item 5 deste regulamento.

7.6. Nas categorias A e B serão julgados os quesitos: criatividade; volumetria (composição e harmonia), solução estrutural e de coberta, adequação da implantação ao terreno e ao sítio urbano; qualidade dos espaços e a conexão entre eles; acabamentos; qualidade gráfica da apresentação do projeto; criatividade e demais fatores inerentes ao projeto de arquitetura.

7.7. Nas categorias C e D serão julgados os quesitos: criatividade na elaboração do “layout”, dos detalhes e das soluções para o projeto; composição dos planos, volumes e perspectivas; harmonia entre cores, formas, acabamentos e texturas; qualidade dos espaços e adequação aos usos; qualidade gráfica da apresentação do projeto e demais fatores inerentes ao projeto de arquitetura.

7.8. Na categoria E os quesitos a serem julgados estarão na dependência da natureza do projeto: se um projeto de arquitetura ou se um projeto de interior. No primeiro caso serão utilizados os critérios especificados no item 7.6 e no segundo caso os critérios especificados no item 7.7.

8. PREMIAÇÃO

8.1. Somente um projeto em cada categoria será proclamado vencedor e receberá o prêmio descrito no item 8.4.

8.2. Caso dois ou mais projetos de um mesmo profissional obtenham o maior número de pontos em diferentes categorias, apenas um deles será proclamado vencedor. Neste caso a prioridade para a contemplação obedecerá à seguinte sequência: 1 – Projeto de Interior Residencial, 2 – Projeto de Interior Comercial, 3 – Projeto de Exterior Residencial, 4 – Projeto de Exterior Comercial. Na(s) categoria(s) em que este profissional for vencedor em duplicidade, os prêmios serão repassados para o segundo colocado.

8.3. Será proclamado pela Comissão Julgadora como vencedor em cada categoria, o projeto que obtiver o maior número de pontos segundo os quesitos especificados nos itens 7.6, 7.7 e 7.8. Caso haja empate, será anulada a maior e a menor nota de jurados e refeita a soma dos pontos.

8.4. Os vencedores nas categorias A, B, C, D e E serão premiados com um curso de 35h de Revit, a ser ministrado pela Vértice Treinamentos.

8.5. Sob hipótese nenhuma o prêmios descrito no itens 8.4 poderá ser convertido em moeda corrente e entregue como tal aos premiados, creditado em conta bancária ou destinado à aquisição de outros bens.

 

9. DIVULGAÇÃO DOS VENCEDORES DO CONCURSO

9.1. Os vencedores do CONCURSO CULTURAL DE PROJETOS DE DESIGN RESIDENCIAL E COMERCIAL NOVO NÚCLEO - 8ª EDIÇÃO – 2016 serão oficialmente anunciados em uma cerimônia de premiação a ser realizada no mês de dezembro de 2016, no dia, local e horário a serem divulgados, quando se comemorará também o dia do arquiteto.

9.2. Os vencedores terão seus trabalhos publicados no Anuário de Ouro da Arquitetura e Decoração de Pernambuco - 6ª Edição.


10.  DÚVIDAS E CASOS OMISSOS

10.1. As dúvidas referentes ao presente regulamento e outras decorrentes da omissão de situações aqui não descritas, poderão ser dirimidas através do site www.novonucleo.com.br/concurso, por via eletrônica através do e-mail faleconosco@novonucleo.com.br ou telefônica através do número (81) 3091.5451.

 


Recife, Agosto de 2016